terça-feira, 28 de setembro de 2010

Lula "la persona más influyente del mundo''. El semanario británico The Economist ya había publicado un artículo de portada titulado "Brasil despega''

BY EL PAIS ESPANHA
ANDRÉS OPPENHEIMER
Brasil, ¿país del futuro?

ANDRÉS OPPENHEIMER 27/09/2010


Hay un consenso cada vez más sólido entre los expertos de que Brasil es la nueva potencia mundial emergente. Tal vez sea así, pero Brasil deberá superar un obstáculo interno potencialmente fatal: el autoconvencimiento de su inevitable ascenso al club de las naciones más poderosas.

Brasil

A FONDO

Capital:
Brasilia.

Gobierno:
República Federal.

Población:
191,908,598 (2008)



La autocomplacencia puede ser un obstáculo fatal para su ascenso

Esa es una de las principales conclusiones que extraje la semana pasada de un panel titulado Brasil: una potencia en alza, realizado durante la Conferencia de las Américas de The Miami Herald y el Banco Mundial. No hay dudas de que Brasil está gozando de una buena racha. Las cosas andan tan bien que incluso el presidente Luiz Inácio Lula da Silva proclamó recientemente -tan solo medio en broma- que "Dios es brasilero''.

Se espera que la economía crezca un saludable 5% este año. El país ha descubierto recientemente una de las reservas de petróleo submarinas más grandes del mundo, y Brasil ha sido designado sede de la Copa Mundial de Fútbol del 2014 y de los Juegos Olímpicos del 2016, que ofrecerán a los brasileños una oportunidad única para promocionar su país en el exterior.

La revista Time -en un exceso de entusiasmo periodístico- recientemente designó a Lula "la persona más influyente del mundo''. El semanario británico The Economist ya había publicado un artículo de portada titulado "Brasil despega'', señalando que durante los próximos 14 años Brasil ascenderá de su actual estatus de octava economía mundial a la quinta, superando al Reino Unido y Francia. Dos nuevos libros publicados en EE UU este mes -Brazil on the Rise, del periodista de The New York Times Larry Rohter, y The New Brazil, del profesor de la Universidad Johns Hopkins Riordan Roett- coinciden en general con esas proyecciones optimistas.

En el panel de la Conferencia de las Américas todos los participantes estuvieron de acuerdo en que Brasil se ha convertido en un país previsible, en el que los presidentes han mantenido las políticas económicas durante 16 años, generando confianza y crecientes inversiones domésticas y extranjeras. La candidata del Partido de los Trabajadores (PT) de Lula, Dilma Rousseff, que probablemente ganará las elecciones presidenciales de octubre, no se desviará del rumbo económico, según dijeron.

Sin embargo, varios panelistas señalaron potenciales peligros, incluyendo que la anticuada infraestructura y la baja calidad de la educación frenen el crecimiento. Algunos advirtieron también del riesgo de que sectores radicales del partido gobernante se sientan tan confiados si Rousseff gana de manera aplastante que quieran regresar a las políticas nacionalistas y estatistas del pasado, y que la nueva presidenta -si resulta electa- tal vez no tenga el carisma de Lula para controlar a la ultraizquierda en su partido.

"Algo que me preocupa un poco es que veo un poco de triunfalismo en el Partido de los Trabajadores'', dijo Rohter. "Hay casi orgullo desmedido, la sensación de que ellos inventaron la rueda, una falta de voluntad para reconocer el rol que jugó el boom de las materias primas en el éxito del país en los últimos 16 años''.

Eso conduce a algunos sectores del partido gobernante a pensar que Brasil puede seguir creciendo sin inversión extranjera en áreas clave como el petróleo y la agricultura, según dijo. Pero Rohter agregó que no cree que el triunfalismo se imponga, porque buena parte de la población ve el futuro con escepticismo. "Una de las cosas más saludables que han ocurrido es que los brasileros ya no hablan de Brasil como 'el país del futuro [del mundo]', sino de 'el quinto poder", comentó. "Esa es una meta mucho más realista''.

Mi opinión: espero que Rohter esté en lo cierto, porque algo que advertí durante mis recientes viajes a China e India es que esas dos potencias emergentes tienen una cosa en común: su convicción de que están detrás de otras potencias en casi todos los rubros.

En casi todas las entrevistas con funcionarios chinos e indios, me impresionó su preocupación de que sus respectivos países no están avanzando en educación, ciencia y tecnología con tanta rapidez como otros países, y que se están quedando atrás. No he visto la misma preocupación, o humildad, en mis entrevistas con funcionarios brasileños.

Los chinos y los indios tienen una saludable dosis de paranoia constructiva, que los impulsa a progresar constantemente. A menos que Brasil adopte la misma actitud y evite la complacencia que puede provocar tanta profecía del exterior, no llegará a convertirse en una de las principales potencias mundiales emergentes.

VEJAM O QUE DIZ A MÍDIA INTERNACIONAL:ARGENTINA



Dilma cerró su campaña y llamó a votar a la primera mujer presidente del país

28/09/10 Bajo la lluvia, y junto a Lula, la candidata habló en San Pablo ante 20 mil personas.

PorEleonora Gosman
San Pablo. Corresponsal



ACTO FINAL. EL SAMBODROMO DE SAN PABLO, AYER, SE POBLO DE BANDERAS.

BY EL CLAIN
* Presidenciales en Brasil

El sambódromo paulista vibró anoche por los gritos y los saltos de quines llenaban un sector de la tribuna. Fue cuando la voz del locutor anunció: “¡Lulaaaaaaaaaaaa! Instante después voceaban: “¡Dilmaaaaaaa...!”. Y con el mismo énfasis gritaban “¡Martaaaaaaaaa...!” (por la señora Suplicy que, como candidata al Senado por San Pablo, tiene chances de salir primera).

Ayer llovió torrencialmente y se habría pensado que el lugar quedaría desierto, pero a las 20.30, unas 20 mil personas le dieron al acto de cierre de campaña el calor que les había faltado a Dilma Rousseff y a su padrino político, Lula da Silva, durante la campaña.

“Delante de ustedes asumo el compromiso de erradicar la miseria y de hacer de este país una nación y pueblo desarrollados”, lanzó Rousseff al sus seguidores, a los que instó además a “elegir a la primera mujer presidenta de Brasil” .

Como en una letanía del pasado, también se escuchó hablar a los candidatos de reforma agraria y de reducir la jornada laboral a 40 horas. También se los escuchó denostar las privatizaciones y acusar a sus adversarios socialdemócratas de buscar la venta de Petrobrás. No es por acaso que el Partidos de los Trabajadores haya elegido para su último acto de campaña la ciudad que fue su cuna. Esta organización todavía se dice izquierdista y no eliminó el rojo de sus banderas, pero desde hace tiempo saca a relucirlas solo cuando las elecciones requieren apelar a la militancia.

Según el segundo tracking de la semana realizada por Vox Populi, junto con el site IG y la emisora de TV Band, la candidata del PT se mantiene en 49%, lo que le aseguraría el paso a la presidencia del país sin necesidad de ir a balotaje, el domingo.

No obstante, la caída en las intenciones de voto de 2 puntos (lo que ubica ese descenso en el margen de error de las encuestas) es un dato llamativo: especialmente porque obedece al comportamiento del electorado del sudeste del país, donde se encuentra San Pablo y Río de Janeiro. En esta región ella pasó de 47 a 42%.

Dilma se sostiene en cambio con la región nordeste donde conserva 66% de las intenciones de voto.

Según las encuestas, Marina Silva alcanzó 13 por ciento de las preferencias de los electores consultados a nivel nacional. Ese movimiento ascendente no alcanza sin embargo para conquistar el segundo lugar ni tampoco para garantizar que ella o el opositor José Serra disputen una segunda vuelta con Dilma Rousseff.

Para el candidato José Serra, l as perspectivas son sombrías . En el mejor de los casos, alcanza a 30% de votos entre sus ciudadanos. Y es en el sur del país. En cambio en el nordeste donde el arrastre de Lula es definitorio apenas llega a 17 por ciento.

Serra sueña que un crecimiento de Marina Silva lo coloque en la segunda vuelta y en ese caso pondrá en juego la segunda parte de denuncias que parece haber guardado para ese momento ante la eventualidad de que Dilma no consiga imponerse en forma definitiva el 3 de octubre.

Ayer Serra recorrió un barrio de San Pablo con el plan de agrupar sus seguidores. A ellos les dijo: “Esta es una batalla grande que no va a terminar el domingo por la noche. Al contrario, el lunes comienza un trabajo que va a ser el doble de intenso que durante el primer turno”.

Según el candidato opositor, esta elección definirá el futuro de Brasil para las próximas décadas. “El país está llegando a un punto que requiere un cambio de poder, de sistema de poder, porque se está comprometiendo la democracia en el país”.

DILMA VENCE NO 1º TURNO

Dilma segue com 49% das intenções de voto, apontadas no tracking anterior, mas venceria no 1º turno; Serra mantém os 24%

O Golpe, Capítulo 995

O Golpe, Capítulo 995: como o jn vai usar o Datafalha......http://bit.ly/9kKPe6

MÍDIAS GOLPISTAS REDE GLOBO- G1 E FOLHA/UOL

Continuam mentindo e fazendo marketing para segundo turno.
Essas mídias precisam aprender uma licão .
DIGA NÃO A FOLHA UOL-REDE GLOBO E VEJA.NÃO COMPRE NÃO ASSINEM, DESCONFIEM
São GOLPISTAS!!!!!!!!!!!!!!!!!
NÃO CONFIEM NELAS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

domingo, 26 de setembro de 2010

VEJAM O QUE É O CANALHA Silvio Berlusconi

YouTube le ganó un juicio a un canal de TV en España



La Justicia de ese país dictaminó que el sitio no es responsable de los videos que piratean los usuarios. El juez dijo que es "imposible" controlar la totalidad de los videos.

* Imágenes

EXITO ASEGURADO. UNOS 500 MIL ARGENTINOS YA SUBEN VIDEOS A YOUTUBE. Ampliar

FESTEJO. Google espera que la sentencia sirva de ejemplo para otros países.


Una buena para YouTube. La Justicia española consideró que el sitio no es responsable de los videos pirateados y colgados en línea en un juicio que le inició un canal de televisión de ese país.

Google, la casa matriz de YouTube, dijo hoy que se trata de una decisión "muy importante" y que espera que siente precedentes en otros países.

La cadena Telecinco, que denunció a YouTube tras la subida de videos pirteados por usuarios, anunció que apeló la decisión judicial.

Tras una primera derrota provisional en 2008 -cuando el juez aceptó la denuncia y ordenó una medida cautelar por la que YouTube debía retirar los videos de Telecinco-, el popular sitio Internet ganó finalmente la causa, al rechazar el magistrado los argumentos de Telecinco en una sentencia hecha pública hoy.

La cadena española considera que "la difusión a través del sitio web (de YouTube) de diversas grabaciones audiovisuales (...) supone una violación de los derechos de propiedad intelectual de Telecinco", señala la sentencia de un tribunal de Madrid.

Sin embargo, "resulta materialmente imposible llevar a cabo un control de la totalidad de los videos que se ponen a disposición de los usuarios, porque en la actualidad hay más de 500 millones", afirmó el juez.

"YouTube no es un proveedor de contenidos y por tanto, no tiene la obligación de controlar la ilicitud de aquellos que se alojen en su sitio web, su única obligación es precisamente colaborar con los titulares de los derechos para, una vez identificada la infracción, proceder a la inmediata retirada de los contenidos", añadió.

"Es el juicio más importante en Europa sobre esta cuestión de los derechos de autor", dijo Bill Echikson, vocero de Google para Europa del Sur y del Este, África y Oriente Medio.

Esta no es la primera vez que YouTube se enfrenta con un canal en la Justicia. En Francia se las tuvo que ver con TF1; en Italia, con Mediaset (casa matriz de Telecinco); y en Alemania, Peterson.

"La victoria de hoy confirma lo que siempre hemos dicho: YouTube cumple con la ley. La sentencia reconoce que YouTube es una plataforma que aloja contenidos y no debe controlar con carácter preventivo los videos subidos por los usuarios", consideró Google en un comunicado.

Telecinco, por su parte, interpretó la sentencia como una "luz verde" del juez para apelar ante la Audiencia Provincial de Madrid considerando que el magistrado ha sentenciado tratando de evitar "tomar una decisión que hubiera puesto en jaque el negocio nacional e incluso internacional de Youtube y su propietario Google".

La cadena destaca, no obstante, el reconocimiento del magistrado de la dificultad que entraña rastrear videos en YouTube por su inmensa cantidad y "que no se trata de un procedimiento cómodo y sencillo para la actora, particularmente porque le significa la ingrata tarea de rastrear y controlar los contenidos que se alojan en la página web de la demandada", pese a los sistemas implementados por el sitio para tratar de evitar la publicación de contenidos protegidos.

En este sentido, YouTube destacó que había puesto en marcha una herramienta llamada "Content ID", que les permite a los propietarios de imágenes "proteger su contenido de forma automática y evitar que sea subido a la plataforma, si así lo desean".

Según Google, más de 1.000 grupos de medios en el mundo utilizan esta herramienta, "incluso la mayoría de las principales cadenas de televisión en España".

Un proceso similar tuvo lugar en 2008 en Estados Unidos contra YouTube por el grupo multimedia Viacom, que le reclamaba mil millones de dólares por daños por la violación de la propiedad intelectual, pero un tribunal de Nueva York lo rechazó el 23 de junio pasado, invocando la buena fe del portal.

YouTube es el más popular de los proveedores de contenidos en video. Google lo compró a finales de 2006 por un total de 1.650 millones de dólares.

Sociedad que cotiza en bolsa, Telecinco, está controlada al 50% por Mediaset, grupo a su vez controlado por Fininvest, el holding perteneciente al primer ministro italiano Silvio Berlusconi y su familia.

Marketing artístico

































Para destacar a velocidade das transferências UPS, Ogilvy & Mather Jacarta, elaborou uma surpreendente marketing artístico -ambiente. A idéia desta criação é para jogar com imagens de um entregador, em pleno movimento. Os moradores de Jacarta, foram capazes de descobrir muitos avatares de Flash Gordon espalhados pela cidade.
Uma idéia muito visual através da utilização eficaz da velocidade de entrega da imobilidade, mas surpreendentemente ...

NOVO MARQUETEIRO DE SERRA por REV PIAUI


José Serra ao receber, tranquilo, a notícia que Marina subiu nas pesquisas








SÃO PAULO - A dez dias das eleições, e com Marina Silva crescendo nas pesquisas, a campanha tucana radicalizou. Contratou José Mojica Marins, mais conhecido como Zé do Caixão, e o encarregou de comandar a grande virada que elegerá José Serra. "Queremos causar pânico e estupor no eleitorado por toda a eternidade", declarou o mestre dos filmes de terror ao assumir a funesta tarefa.

Após criar a primeira leva de filmes, que já está no ar na internet, o novo marqueteiro anunciou que na próxima peça publicitária José Serra se transmudará na tela até aparecer caracterizado como Zé do Caixão. Aí, na sua nova imagem, o candidato rogará pragas aziagas: "Que o seu botox vire cimento, que Palocci viole a sua caixa de email, que você nunca consiga sair de um engarrafamento na Marginal caso seu voto vá para a bruxa Rousseff!", gritará Serra enquanto esfaqueia um porco vivo.

Num segundo filme, ainda mais ousado, Serra aparecerá sem maquiagem e falará sobre cirurgia de varizes e déficit público

sábado, 25 de setembro de 2010

NovaE - Foi o Brasil que enterrou a era FHC

NovaE - Foi o Brasil que enterrou a era FHC

NovaE - Pesquisa da PUC: “a Veja e o anti-jornalismo”

NovaE - Pesquisa da PUC: “a Veja e o anti-jornalismo”

Arte que brilla en Córdoba

Arte que brilla en Córdoba
Esculturas de Bastón Díaz, tintas de Kuitca, obras de Aizenberg y últimas adquisiciones del Museo Caraffa en arteBA se destacan entre las nuevas muestras del Caraffa.
Por: MARINA OYBIN



JUAN MELE.. Energy 7, 1986, acrílico sobre tela, 76 x 51 cm.
1 de 2
Hay vernissage y fiesta. Estamos en el Museo Caraffa de Córdoba. Quienes lo pisen por primera vez, como esta cronista, descubrirán una perla de unos 5.000 metros cuadrados, que cumple con todos los parámetros museísticos establecidos para la óptima conservación del patrimonio. Es un espacio bien moderno, con sistema de iluminación computarizado, donde acaban de inaugurarse ocho muestras simultáneas de artistas consagrados y emergentes. Así, a lo grande, suelen hacerse las inauguraciones en el Caraffa. Hay champán y, claro, fernet con coca.

Desde la tarde hasta bien entrada la noche más de mil personas visitan las salas y pasean por los jardines, donde suena una banda de rock blusera. Tras escucharla, empiezo el recorrido.

Iluminado por la luz natural que avanza por la lucera original del edificio de 1916, Restos y encuentros en la ribera es la deslum- brante muestra del gran Bastón Díaz. Se trata de 16 bocetos que hizo para las esculturas monumentales de la plaza Rubén Darío, pegadita al MNBA. Allí, utilizó la friolera de 25 toneladas de acero.

Inspiradas en la inmigración que llegó a nuestras pampas, las piezas de chapa de hierro soldada pertenecen a su serie De la Ribera, que viene trabajando hace años.

Se mezclan aquí los viajes de este artista entrañable, apasionado y uno se anima a decir necesario, que después de pasar siete años en París, donde estudió en la Escuela Superior de Bellas Artes, en la Sorbona y en la Universidad de Vincennes, decidió regresar.

"Cuando volví percibí que muchos de los viejos maestros se la pasaban postergando su obra: esperaban que el Estado o un coleccionista la financiara, pero eso nunca pasaba", cuenta el artista a Ñ. Recuerda además que como no estaba dispuesto a negociar la imagen de su obra, se lanzó primero a trabajar como orfebre hasta alcanzar una situación económica sólida que le permitiera empezar a meterse en la escultura de grandes dimensiones, solo, sin esperar financiamiento.

Así logró lanzarse con sus primeras piezas. Las influencias de Bastón pueden rastrearse en escultores como los hermanos Naum Gabo y Antoine Pevsner o en Max Bill. De composición constructivista, su obra incluye bisagras, simbólicamente potentes, que abren caminos que se alejan de la geometría pura.

Sus colosales volúmenes convexos, que evocan restos de barcos, son de una pesadez infinita: jamás volverán a partir. Esos bloques semiesféricos imponentes transforman el espacio que los rodea, volviéndolo denso, extraño. Hay melancolía en esos fragmentos encastrados de cascos de navíos. Son, por sí solos, más allá de su alusión, abstracciones que conmueven. Es que estas obras gigantescas desatan un espacio vertiginoso, resignificando la dimensión humana. "Con las obras grandes pude concretar el espacio dramático que yo buscaba; en estos bocetos no recibís todo el impacto dramático que tiene que tener la obra", dice Bastón Díaz.

Sin embargo, en esta nueva escala, sus obras no pierden contundencia. El tamaño de las piezas, que van de los 60 centímetros, la mayoría, a los dos metros de alto, que en su caso, con obras de más de diez, pueden considerarse pequeñas, invita a poner el foco en cuestiones diferentes, sin dejar de conmover. Se percibe la sutileza de las texturas óxido, la distancia milimétrica que separa los volúmenes, el equilibrio de las piezas, que a veces da la impresión de que se apoyaran en un solo vértice.

Cuesta apartar la mirada de estas esculturas, abandonar la sala.

A unos pasos, está la muestra de Roberto Aizenberg, con obras que van de 1950 a 1980, desde sus comienzos con el maestro Battle Planas pasando por el exilio. Un sello singular marcado por la poética de la metafísica y el surrealismo. Curada por Isaac Lisenberg, la muestra, con más de medio centenar de trabajos, recorre los temas que el artista abordó con distintas técnicas: como torres y personajes. Hay exquisitas esculturas, óleos con guiños al romanticismo nórdico, están sus características obras silenciosas y atemporales, con luz irreal potenciada por el tratamiento con veladuras, y no faltan pinturas de las que Aldo Pellegrini definió como "geometría metafísica".

Otra sala reúne las últimas adquisiciones que el museo compró en arteBA. Se destacan Abismo de Marcia Schvartz, exuberante mix de materiales rústicos y copia de glamorosos, una obra de Román Vitali y una fotografía de Nicola Costantino. De la artista, se presenta además Trailer, que lleva al formato video, con muy buenos resultados, el tema del doble.

Con una secuencia de imágenes que dura apenas algo más de tres minutos, pone el foco en ese álter ego, creado meticulosamente a partir de un molde del propio cuerpo y devenido sombra tétrica.

Continuamos hasta la sala que reúne una serie de dibujos en tinta del joven Kuitca, pertenecientes a la colección Estudio Lisenberg.

Están sus escenas bien teatrales, sus columnas y sus emblemáticas camitas. En su caso los dibujos no son bocetos: surgen casi siempre después de sus pinturas.

En una de las salas más grandes se exhiben las pinturas de gran formato de Eric Van der Grijn. Las otras tres muestras son las de los cordobeses Pablo Scheibengraf y Marisol San Jorge, y el II Premio AMEC de Fotografía, que ganaron Res y Esteban Pastorino, con premios adquisición de 12.000 pesos cada uno.

En la noche cálida, la banda sigue tocando en el jardín. Algunos se recuestan en el pasto, junto a las esculturas de Hernán Dompé, cuyas bases se transformaron en improvisados soportes para copas vacías. La gente sigue llegando.

[an error occurred while processing this directive]

Serra pagou 34 milhões à Veja durante governo do Estado

Serra pagou 34 milhões à Veja durante governo do Estado e recebe agora retorno em serviço para sua candidatura.Recurso publico para campanha...@emisader

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

VEJAM O QUE É A PARAÍBA DE JOSE MARANHÃO



VEJAM O QUE É A PARAÍBA DE JOSE MARANHÃO

TRE-PB vai fiscalizar show de Zé Ramalho em João Pessoa nesta sexta-feiraClique na imagem para ampliarBlogs+ ver todosJanildo SilvaDança Da Pizza? Clilson JúniorFicha Da VergonhaNilvan FerreiraE Agora, Pesquisa Vale é?Duas CabeçasMarcus Odilon Prefeito De Bayeux?
antonio ivo bayeux brasil cassio governo gutemberg cardoso lula maranhao ricardo coutinho sttrans
O show de Zé Ramalho, promovido pela prefeitura de João Pessoa nesta sexta-feira (24), será fiscalizado pela Justiça Eleitoral para evitar que o evento se transforme em comício eleitoral. O evento será realizado na praia de Cabo Branco e a decisão partiu do juiz Carlos Neves da Franca Neto, do Tribunal Regional Eleitoral.

Ele determinou que o prefeito Luciano Agra seja notificado no sentido de orientar os seus subordinados a adotar todas as providências necessárias a fim de evitar que o evento tome qualquer conotação político-eleitoral, “devendo abster-se de fazer no evento qualquer referência à eleição que se avizinha e a candidatos, seja de forma direta ou indireta, sob pena de vir a responder por crime de desobediência”.

O juiz Carlos Neves determinou ainda que seja oficiado ao juiz da 64ª Zona Eleitoral, responsável pela propaganda eleitoral na Capital, “que adote as medidas que entender necessárias no sentido de fiscalizar o evento e registrar qualquer conduta que afronte a legislação eleitoral, adotando as medidas necessárias ao cumprimento efetivo desta decisão, enviando relatório conclusivo acerca do evento a Corregedoria Regional Eleitoral”.

As providências determinadas pelo juiz Carlos Neves fazem parte do processo movido pela Coligação Paraíba Unida, que pediu liminar para suspender a realização do show de Zé Ramalho. O pedido, no entanto, não foi aceito pelo juiz.

“O pedido de liminar nos termos em que foi pleiteado, ou seja, no sentido de suspender a realização do evento, seria uma medida no meu entendimento temerária, haja vista que não se trata de um abuso evidente, escancarado, manifesto, porém, dissimulado, disfarçado, sorrateiro e que será objeto de apuração durante o decorrer da instrução”, afirma o juiz.

VISITEM AQUISEDIZ

VISITEM AQUISEDIZ
NOVO BLOG
PRESTIGIEM!!!!!!!!!!!!!!!!
CLIQUE NOTÍTULO E VÁ DIRETO LÁ.

Paraíba vamos ……..a frente para o segundo turno e retirar este ultrapassado governador



por aquisediz
VAMOS AO SEGUNDO TURNO, E RETIRAR ESSE DESCABIDO E FANFARRÃO ZÉ MARANHÃO

Vamos firme com Ricardo Coutinho

Coligação ‘Uma nova Paraíba’, Ricardo Coutinho (PSB),

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Alckmin foge da responsabilidade!!!!!!!!!!!!!!!!

45 ARGUMENTOS PARA NUNCA VOTAR NO TUCANO

45 ARGUMENTOS PARA NUNCA VOTAR NO TUCANO
45 ARGUMENTOS PARA NUNCA VOTAR NO TUCANO GERALDO “PINOCKMIN”



1. Em1995 quando o PSDB e Geraldo Alckmin assumiram o governo do estado de São Paulo a participação paulista no PIB nacional era de 37%, segundo a Fundação SEADE. Em2004 esta participação caiu para 32,6%, demonstrando portanto, que graças aAlckmin o estado de São Paulo perdeu 12% de toda a riqueza nacional. Istosignifica menos crescimento econômico, menos geração de renda, menos salários emenos empregos a população paulista.


2. Em virtude desta queda dedesempenho da economia de São Paulo e a inexistência de políticas públicas degeração de trabalho e renda a taxa de desemprego chegou a 17,5% e ao longo dodesgoverno tucano de Alckmin cresceu 33,6% (1995-2005), segundo o IBGE. A taxade desemprego em São Paulo é ainda maior que a taxa média nacional, que é de10,9%.Vale ressaltar que durante 8 anos tivemos a dobradinha nefasta entre PSDB no Estado de SP e no Governo Federal para produzir tais taxas. Se não bastasse isso, para agravar ainda mais a taxa de desemprego, Alckmin reduziu em R$ 9 milhões o orçamento da frente de trabalho.



3. Governador Alckmin, à época presidente PED, foi o condutor de todo o processo de privatização, arrecadando entre 1995-2000 em valores correntes R$ 32,9 bilhões, destes, cerca de 72% (R$ 23,9 bilhões) obtidos pela venda do setor energético de São Paulo. Contudo, apesar desta enorme soma arrecadada, o Balanço Geral do Estado mostra que, a dívida consolidada do Estado cresceu de R$ 34 bilhões em 1994 para R$ 138 bilhões em 2004, um crescimento real de 33,5%, utilizando-se o indexador IGP-DI. Portanto, Alckmin vendeu 2/3 das empresas estatais do estado e mesmo assim a dívida consolidada cresceu ao longo de seu mandato. O absurdo: Geraldo ainda mente ao dizer que houve saneamento das finanças e se auto-intitula um “grande gerente”.


4. No exercício financeiro de 2003 o Estado de São Paulo, desgovernado pelo PSDB de Geraldo Alckmin, atingiu um déficit (receita menos despesa) em suas contas de mais de 572 milhões de Reais.


5. Com o desgoverno tucano São Paulo perdeu R$ 5 bilhões na venda do Banespa. Considerando o valor pago pelo Santander e o montante total da dívida do Banespa com a União e que foi paga às pressas por Alckmin para que o Santander comprasse um Banco sem dívida, houve um prejuízo de mais de R$ 5 bi que deveriam ser investidos na área social mas que Geraldo preferiu doar a uma empresa multinacional da Espanha.


6. O descontrole das finanças públicas paulista reflete a gerência desastrosa de Alckmin, que aplica uma Lei Orçamentária irreal. De 1998 a 2004 o Orçamento estadual apresentou uma estimativas falsas de “excesso de arrecadação” na magnitude de R$ 20 bilhões que são vinculados a rubricas sobretudo publicitárias e portanto financiando campanha eleitoral às custas do contribuinte paulista enquanto Alckmin veta orçamento maior para a Educação.



7. Geraldo não cobra devedores de São Paulo. De 1998 a 2004 houve queda na arrecadação junto aos devedores de tributos em cerca de 52%, representando uma perda de aproximadamente R$ 1 bilhão que poderiam ser investidos na área social.


8. Caem os investimentos no desgoverno de Geraldo Alckmin. A participação percentual dos investimentos nos gastos totais caiu em 2003 e 2004 de 3,75% , o que é bem inferior por exemplo ao de 1998, quando atingiu 5,39% do gasto total. É o Estado se afastando da sociedade e resultando em precarização de serviços públicos.


9. Geraldo Alckmin arrocha salários dos servidores públicos de São Paulo: Em 1998, o gasto com ativos e inativos representava 42,51% das despesas totais do Estado. Em 2004, este gasto caiu para 40,95%, resultado da política de arrocho salarial e redução das contratações via concurso público, porém com aumento dos cargos por nomeação do governador.


10. Alckmin não tem projeto de desenvolvimento para as regiões do Estado de São Paulo: Das 40 Agências de Desenvolvimento Regional previstas pelo governo tucano em 2003, nenhuma foi criada.


11. Alckmin corta brutalmente os gastos na área social: Apesar do excesso de arrecadação de R$ 12 bilhões, durante o período 2001-2004, o governo deixou de gastar os recursos previstos. No ano de 2004, a área de desenvolvimento social perdeu R$ 123 milhões, já com desenvolvimento regional não foram gastos R$ 5,8 bilhões.


12. Alckmin ofereceu regime tributário especial, por meio da Secretaria Estadual da Fazenda, que dá vazão a fragilidade fiscalizatória para a empresa Daslu, que recentemente teve sua proprietária presa pela Polícia Federal por crimes de sonegação fiscal e evasão
de divisas. Vale mencionar que Alckmin esteve presente na abertura desta loja e chegou até a cortar a fita inaugural.



13. Ao longo do desgoverno tucano de Geraldo Alckmin houve redução de 50% no orçamento de pesquisa do IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas). O instituto, que existe há 106 anos, financia pesquisas para o desenvolvimento econômico, geração de renda e fortalecimento da indústria paulista. Em julho deste ano já foram demitidos do IPT 10% de seus funcionários e até janeiro de 2006 serão mais 5%. Este foi mais um dos fatores da redução da participação do PIB de SP no total do Brasil.


14. Alckmin extinguiu cursinho pré-vestibular gratuito (Pró-Universitário), deixando de investir R$ 3 milhões e impediu a matrícula de 5.000 alunos que agora estão muito mais longe da formação superior graças ao PSDB.


15. Alckmin vetou dotação orçamentária de R$ 470 milhões para a Educação de SP. A “canetada” do des-governador anulou a votação dos parlamentares do Estado principalmente para o ensino superior e técnico. Geraldo mente deslavadamente ao afirmar que investe 33% em Educação quando na verdade só investe o mínimo determinado pela constituição Estadual, que é de 30% do orçamento.


16. Dados do INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais) demonstram que a qualidade do ensino paulista é pior que a média do Brasil. Segundo esta fonte oficial a porcentagem de alunos que se encontram nos estágios crítico e muito crítico representam 41,8% do total de alunos do estado. Ao passo que em nível nacional os alunos que se situam nestes mesmos estágios representam 5,6% do total. Portanto, levando-se em consideração este indicador relevante e oficial o desempenho da educação gerenciada por Alckmin é 86,6% pior que a do Brasil.



17. O programa de transferência de renda de Alckmin atende a 60 mil pessoas com um benefício médio de R$ 60, ao passo que o mesmo programa que foi levado a cabo na capital paulista pela prefeita Marta Suplicy atende a 176 mil famílias com umcomplemento de renda de R$ 120. Portanto o que foi pago só pela cidade de SP, durante a gestão anterior, a cada família é o dobro do que é pago pelo PSDB e o mesmo modelo de programa atinge 14 vezes mais famílias. Desta forma o programa de Alckmin é em menor quantidade e menor qualidade.


18. Após mais de 10 anos de PSDB em São Paulo, escolas estaduais continuam sem distribuição gratuita de uniformes, material escolar e sem transporte, ao contrário do que ocorreu quando a prefeita Marta Suplicy governou a capital.

19. Geraldo Alckmin, que na mídia se diz contra aumento de impostos, aumentou a taxa de licenciamento veicular em mais de 200% (em valores reais) ao longo de seu desgoverno.


20. Comissão de fiscalização e controle da Assembléia legislativa paulista rejeitou as contas do governador de 2004. Entre outros, os principais motivos encontrados estão um saldo acumulado de R$ 209 mi dos recursos do FUNDEF que jamais foram investidos na educação e cujo destino se desconhece. Também foi verificado que o custo das internações aumentaram ao mesmo tempo em houve diminuição do tempo das internações. Este é o modelo de gerência de Geraldo.


21. Governador Alckmin veta projeto de lei que institui normas para a garantia efetiva e democrática da participação popular em audiências públicas e elaboração do Orçamento do estado. Esta medida de Geraldo é portanto totalitária, anti-democrática, anti-participativa e contrária à liberdade do contribuinte que é impedido de decidir quanto ao orçamento de seu próprio Estado.



22. O investimento em saúde no desgoverno de Geraldo não atinge sequer 12% da receita de impostos, desrespeitando assim o mínimo que foi determinado em lei a ser investido no setor. Este escândalo a tucanagem sorrateiramente maquia, retirando dessas receitas estaduais os R$ 1,8 bilhão que o governo estadual recebe pela lei Kandir. Desta forma a saúde paulista deixa de receber R$ 1,8 bilhão graças a péssima gerência de Geraldo Alckmin.


23. Mais grave ainda, desafiando a lei e o próprio Tribunal de Contas do Estado, Geraldo Alckmin contabilizou nas contas da saúde programas que não guardam nenhuma relação com este setor, tal como serviços públicos a detentos em penitenciárias e portanto, mais uma vez maquiando o orçamento para reduzir investimentos na saúde.


24. As grandes conseqüências da inexistência de políticas públicas na saúde e seu sub-financiamento é a flagrante precarização dos serviços. Basta verificar que há leitos desativados e desocupados (por falta de pessoal e material): só no Hospital Emílio Ribas, menos de 50% dos leitos estão ocupados e maioria deles estão desativados.


25. Devido à incompetência de Alckmin, o Hospital Sapopemba tem aproximadamente 90% de seus leitos desocupados e quase todos desativados.


26. A média salarial paga aos servidores estaduais da saúde chega a ser 47% mais baixo que o pago pela rede municipal durante a gestão da prefeita Marta Suplicy. Os salários aviltados e humilhantes pagos pelo desgoverno de Alckmin aos servidores motivaram uma longa greve do pessoal da saúde e os postos de atendimento abandonados (como na Várzea do Carmo), aumento de filas e dificuldades para marcar consultas.



27. Mais um descalabro do desgoverno de Geraldo é o esqueleto de alvenaria armado na Av. Dr. Arnaldo na capital paulista. O tão prometido Hospital da Mulher está há 10 anos apenas no papel e Alckmin ainda tem a desfaçatez de estender uma faixa no esqueleto do prédio propagandeando sua nunca alcançada inauguração. Mas o tucano promessinha está dando uma outra utilidade ao esqueleto que está sendo usado como reduto para usuários de drogas e ladrões para aumentar ainda mais a criminalidade.


28. A tucanagem alardeia em suas peças publicitárias eleitoreiras a construção de unidades do Acessa SP. Há mais de 10 anos no poder em São Paulo o saldo da tucanagem é de 1 Acessa Sp para cada 158.102 habitantes. Em 4 anos de gestão na prefeitura da capital paulista esta proporção é de 1 Telecentro para cada 83.333 habitantes. Portanto, proporcionalmente a cidade de SP ao longo da gestão Marta Suplicy obteve um desempenho 90% melhor que Geraldo Alckmin. E isso sem contar que nos do município há em média 20 computadores em cada unidade e nos de Geraldo Alckmin há apenas 15.


29. Desgoverno de Geraldo Alckmin é o responsável pelo maior déficit habitacional do Brasil em comparação com todos os demais estados da federação, segundo a ONU. São mais de 1 milhão e duzentas mil moradias que faltam ao povo paulista. Dados revelam um fato escandaloso: desde o ano de 2000 o governo de SP não cumpre lei do parlamento estadual que determina no mínimo 1% do orçamento em investimentos na área de habitação. Os recursos não aplicados por Geraldo já chega a R$ 548 milhões, o que explica este déficit e também o fato de que 82% das unidades prometidas por Alckmin não foram construídas.



30. Incompetência de Geraldo Alckmin fez com que o Estado de São Paulo caísse uma posição no Ranking do IDH estadual. A queda vertiginosa foi de segundo para terceiro maior IDH estadual do Brasil. Isso significa que a evolução da saúde, educação e renda do atual segundo colocado superou e muito a de São Paulo ao longo do desgoverno do PSDB. Enquanto o Estado de Santa Catarina saltou de quinto para segundo no período 1991 e 2000, o desempenho de SP foi medíocre. Seguindo o ranking de IDH mais alto do país, vem Santa Catarina em segundo lugar, com índice de 0,832; São Paulo em terceiro, com 0,82; Rio Grande do Sul em quarto, com 0,814; Rio de Janeiro em quinto, com 0,807. Este é o resultado da gerência tucana: Regressão social brutal.


31. Tucanos têm o pior desempenho na construção do Metrô: Desde a construção do primeiro trecho do Metrô, em 14 de setembro de 1974, São Paulo já passou pela administração de oito governadores. Nestes 30 anos de operação comercial o governo do PSDB foi o que apresentou pior desempenho na construção de quilômetros de linhas do Metropolitano. Desde que estão no poder público estadual, há quase 10 anos, tucanos fizeram 1,4 km de linhas/ano, abaixo da média de 1,9 km/ano da companhia. Logo, o PSDB construiu 36% menos quilômetros que a média de todas as demais gestões.



32. Reajustado por Alckmin, metrô de São Paulo é um dos mais caros do mundo: o reajuste das tarifas de metrô, trens metropolitanos e ônibus intermunicipais em São Paulo ficaram em até 55% superiores ao aumento da inflação registrado em igual período, ou seja, nos últimos 24 meses que antecederam a data do reajuste, segundo o indexador IPCA. Com o aumento, o metrô de São Paulo passa a ser o mais caro do Brasil, ultrapassando a rede subterrânea de transporte do Rio de Janeiro, que cobra R$ 2 por bilhete. Já em Belo Horizonte e Porto Alegre, viajar de metrô custa bem menos: respectivamente R$ 1,20 e R$ 1,10. Entre as principais metrópoles mundiais, São Paulo também possui o metrô proporcionalmente mais caro. Ao deixar o metrô paulistano entre os mais caros do planeta, através de sucessivos reajustes, o governo de São Paulo deixou claro seu total descompromisso com o acesso ao transporte público.


33. O governo de Geraldo Alckmin continua a aprovar seu pacote de ataques à educação. Após vetar o aumento em 1%, passando por cima do aprovado na Assembléia Legislativa de LDB (Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional) e de reduzir a verba da educação estadual por ao seu menor índice em quatro anos, Alckmin fez manobra orçamentária de contabilizar desconto de tarifa como sendo investimento na educação e dessa forma reduzindo o montante que de fato deveria estar sendo destinado a esta pasta. Este fraude contábil resulta em transferência de orçamento do setor de transportes para e educação, o que significa um corte brutal na magnitude de R$ 32 milhões. Para se ter um parâmetro da redução de gastos o montante é de cerca de 10% dos gastos do governo nas instalações de todas as escolas estaduais no ano de 2004. Este é, portanto mais um ataque de Alckmin a educação paulista.



34. Fita envolve governador Geraldo Alckmin em compra de voto: Diálogo telefônico entre os deputados estaduais Romeu Tuma Jr. (PMDB-SP) e Paschoal Thomeu (PTB-SP) evidencia flagrante esquema de compra de votos na Assembléia Legislativa de São Paulo, envolvendo diretamente o governador Geraldo Alckmin (PSDB). O diálogo, gravado, ocorreu às vésperas da eleição do novo presidente da Assembléia Legislativa do Estado, vencida por Rodrigo Garcia (PFL) em 15 de março deste ano. A gravação foi divulgada em 06/07/05 em matéria da repórter Laura Capriglione no jornal Folha de S.Paulo.


35. Durante 12 anos de PSDB, foram demitidos 60 mil professores O valor da hora aula no Estado é uma vergonha, e não passa de R$ 5,30! Somando isso Alckmin tem inaugurado Fatecs de “fachada”, que não têm condições de “fachada”, que não têm condições mínimas de funcionamento.


36. No governo de Covas/Alckmin mais famílias foram expulsas do campo do que assentadas. Da promessa de assentar 8 mil famílias apenas 557 foram assentadas, sem convênio com o Incra. Outro descaso acontece na habitação: os tucanos prometeram construir 250 mil casas mas, desde 1999, só foram feitas 37.665 unidades.


37. Alckmin promove a maior operação abafa de CPI`s deste país, em meio ao mar de lama da corrupção de seu governo: Já são 58 as Comissões Parlamentares de Inquérito paradas na Assembléia Legislativa de São Paulo. Investigações relevantes – como a denúncia de irregularidade na Febem, nas obras de rebaixamento da calha do rio Tietê, na CDHU e no trecho oeste do Rodoanel – estão engavetadas. Somente no caso da obra de rebaixamento da calha do rio Tietê, foram registrados aditivos contratuais que ultrapassam o limite legal de 25%. O valor do contrato para a obra era inicialmente de R$ 700 milhões e seu custo efetivo ultrapassou R$ 1 bilhão. Além disso, o valor inicial do contrato de gerenciamento da obra saltou de R$ 18,6 para R$ 59,3 milhões – mais de 200% de aumento. O conselheiro do TCE Eduardo Bittencourt, em documento divulgado à imprensa, declara que os autos ferem os princípios da administração pública.


38. Corrupção tucana na CDHU: O TCU (Tribunal de Contas da União) também detectou irregularidades em 120 contratos da CDHU, que recebe 1% do ICMS arrecadado pelo Estado, ou seja, cerca de R$ 400 milhões. Mais uma evidência de atos ilícitos cometidos pelo PSDB paulista de Geraldo Alckmin.

39. Desgoverno de Geraldo Alckmin comete mais um ilícito, desta vez na Eletropaulo: irregularidades no empréstimo conferido à Eletropaulo pelo BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social). Privatizada em 1998, a empresa acumulou dívida superior a R$ 5,5 bilhões, incluindo mais de R$ 1 bilhão com o banco. Em 2001, a Eletropaulo lucrou US$ 273 milhões, enquanto em 2002 houve prejuízo de US$ 3,5 bilhões. E a empresa enviou US$ 318 milhões ao exterior, de 1998 a 2001.



40. Alckmin favorece Ecovias em R$ 2,6 mihões: A Ecovias, empresa que administra o sistema Anchieta-Imigrantes, deverá ter uma arrecadação adicional de R$ 2,6 milhões por ano com o “arredondamento para cima” feito pelo governador Geraldo Alckmin no reajuste do pedágio. Como a tarifa anterior era de R$ 13,40, a aplicação de 9,075% do IGP-M elevaria o valor para R$ 14,61. Na hora de estabelecer o preço final, o governador arredondou em R$ 0,19 para cima, o que fere o Código de Proteção e Defesa do Consumidor. Assim, em uma hora serão arrecadados mais R$ 309,70. Em um dia, R$ 7.432, que multiplicados por 30 resultarão em R$ 222.984 ao mês. Após 12 meses, serão mais R$ 2.675.808,00. Mas o dado irrefutável é que a empresa irá arrecadar uma quantia significativa. E o mais absurdo é que o governador, ao invés de defender os interesses da população, adota uma postura que beneficia um grupo empresarial em detrimento ao usuário da rodovia.


41. Alckmin veta estacionamento gratuito nos shoppings de SP: Os motoristas de São Paulo não terão estacionamento gratuito nos shoppings da cidade. O governador Geraldo Alckmin vetou o projeto de lei que garantia a liberação das vagas nos shoppings e hipermercados.


42. Tucano Alckmin usa Tropa de Choque e Cavalaria contra estudantes em São Paulo: As imediações da Assembléia Legislativa de São Paulo se transformaram numa praça de guerra depois que o governo do Estado resolveu usar a Tropa de Choque e a Cavalaria para reprimir uma manifestação de aproximadamente 500 estudantes, funcionários e professores de universidades paulistas. Os estudantes e representantes do movimento intitulado Fórum das Seis foram à Assembléia para acompanhar as discussões em torno da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias). Eles querem que os deputados derrubem o veto do governador Geraldo Alckmin ao item que aumenta os recursos para o ensino superior estadual.



43. Desgoverno de Alckmin gasta R$5,5 milhões com obra em aeroporto "fantasma": O governo Alckmin (PSDB) gastou R$ 5,5 milhões para concluir a reforma em dezembro do ano passado do aeroporto estadual Antônio Ribeiro Nogueira Júnior em Itanhaém, no litoral sul de São Paulo. A estrutura que tem capacidade para receber até um Boeing 737, com cem passageiros a bordo, recebeu apenas cinco pessoas, em média, a cada dia, entre janeiro e julho deste ano. Segundo o jornal Folha de S.Paulo, há dias em que não há nenhum pouso ou decolagem em Itanhaém. Entediados, funcionários fazem palavras cruzadas e alguns até cochilam nas dependências do aeroporto no horário de serviço.


44. Alckmin faz redução generalizada de investimentos públicos: apesar do excedente de arrecadação de 2001 a 2004 ter chegado a aproximadamente R$ 13 bilhões, o Estado deixou de gastar cerca de R$ 1,5 bi na Saúde; R$ 4 bi na Educação; R$ 705 milhões na Habitação; R$ 1,8 bilhão na Segurança Pública; R$ 163 milhões na área de Emprego e Trabalho.


45. Agricultura deixou de investir R$ 51 milhões, em 2004: A Secretaria de Agricultura e Abastecimento, do desgoverno de Geraldo Alckmin, deixou de aplicar em 2004 cerca de R$ 51 milhões disponibilizados em seu orçamento, correspondendo a 9,51 % de sua dotação inicial. Programas de grande expressão social como os da área de Alimentação e Nutrição, devolveram dinheiro no final do ano, não cumprindo suas metas físicas. Esses recursos não aplicados poderiam ter sido convertidos em mais 53.346 cestas básicas, 780.981 refeições e 670.730 litros de leite por mês.

Leiam o que diz a argentina sobre os factoides golpistas de intelectuais de meia tigela da Escola de Direito aliados de Serra.

Brasil: marcha de intelectuales opositores “por la democracia”
23/09/10
PorELEONORA GOSMAN


Brasil
Ayer, un grupo de intelectuales lanzó frente a la Facultad de Derecho en el centro de San Pablo un “Manifiesto en defensa de la democracia” . La oposición había convocado al acto con la esperanza de reunir una presencia importante de personalidades, pero solo congregó a un centenar de personas. Del otro lado, una movilización de estudiantes criticó la declaración de los intelectuales.
La protesta opositora pretende salir así al cruce de una eventual marcha de algunas organizaciones sociales en contra de un supuesto golpismo mediático y a favor de la candidata oficialista, la ex ministra Dilma Rousseff.
Hasta ahora, nadie sabe quiénes son los organizadores de esa manifestación oficialista. El grupo de intelectuales, todos ellos vinculados al opositor José Serra –quien ha experimentado una fuerte sangría de votos–, tenía como objetivo “bloquear la marcha por el autoritarismo” que no ocurrió. Pero también tuvo como finalidad criticar la “presencia ostensiva” del presidente Lula da Silva en la campaña electoral de su delfín, la ex ministra Rousseff.
Según los firmantes del manifiesto, entre quienes se encontraban algunos juristas, historiadores y periodistas brasileños, además de ex ministros del gobierno de Fernando Henrique Cardoso, el presidente “Lula intenta debilitar a la prensa y a todos los que se oponen a su poder personal”. Acusaron al jefe de Estado de “atacar a sus adversarios investido del prestigio del cargo”.
De acuerdo com los intelectuales opositores, “para el gobierno quien es opositor está en contra del pueblo. Esa es la gran división que se pretende crear”. El propósito de esa movilización, que no logró sobrepasar las 100 personas, “es decir basta antes que sea necesario ir a la plaza pública a luchar contra la dictadura”.
Otro de los personajes que intervino en esa movilización opositora fue Roberto Freire, actual diputado y titular del Partido Popular Socialista (ex Partido Comunista pro soviético), aliado incondicional del candidato opositor, José Serra. Del otro lado, los estudiantes de Derecho que seguían de lejos el acto expresaron su rechazo al manifiesto. Creyeron ver en esta protesta “el resentimiento de algunos profesores de la facultad”.

OLHEM O COMPROMISSO DE JOSÉ SERRA

OUÇAM, VEJAM E GRAVEM

Postagens sábias de EMIR SADER @emirsader

O q talvez precise ser revisado,depois dos 8 anos do Lula e destas eleições,seja o conceito da imprensa como formadora de opiniões-Verissimo

Desde UDN x Getulio nenhum presidente brasileiro foi tão atacado quanto Lula.Nenhum presidente acabou seu mandato tão bem cotado (Verissimo)

Os corvos nem escondem seu rabo: foram ler seu libelo golpista no Largo S. Franscisco, o mesmo dos golpistas de 1932 contra o Getúlio.

Nenhum financiamento da democracia para seus assassinos.A democracia não apoia os filhotes de 64, q querem repetir agora a farsa e o crime.

Os mesmos de 64(Frias,Mesquitas,Marinhos,Civitas apoiaram a ditadura)e a mesma hipocrisia:denunciam risco p/ a democracia e preparam o golpe

Assim como os educadores ttambém em que ser educados, os criticos tem que ser criticados, para que naõ seja democracia de uma mão só.

É só esperar o Sensus,a Vox(que dá 27 de diferença)e o Ibope,pra ver q a FSP (Fomos Serra Presidente)fajuta de novo a favor do seu candidato

Hipocrisia as publicações não fazerem como a Carta Capital e confessarem que têm candidato - o Serra. Ou seriam partido sem candidato?

@maria_fro aumentam 1 pro Serra e não tres. Tiram 2 da Dilma e aumentam 2 pra Marina: total, 5 pontos menos de diferença. Fajutado.

Ai está o resultado envenado da FSP (Fomos Serra Presidente), com três perguntar previas condicionando fortemente contra a Dilma.

A Dilma poderia perfeitamente repetir para as familias donas da velha midia o que disse ao Garibaldi: Na ditadura estávamos em lados opostos
about 10 hours ago vía web
O risco dos animais venenosos é que, morrendo, soltam seus piores venenos. Podemos esperar o pior para os dias que faltam até o dia D.
about 11 hours ago vía web
Constituinte autônoma tem que incluir, entre outros temas essenciais, democratização do Judiciário.
about 13 hours ago vía web
Nem conversa telefônica gravada de ministros combinando o resultado da privatizaçõ da telefonia deu CPI no governo FHC. Imprensa conivente.
about 13 hours ago vía web
A pesquisa envenenada do Data Folha vai hoje no JN.Ultima chance de manobrar ainda pro Serra. Ibope,Sensus,Vox, projetam Dilma no 1. turno.
about 14 hours ago vía web
Agora lancamento do Rio Zero Analfabetismo, na Reitoria da UFRJ, na Praia Vermelha.
about 18 hours ago vía Twitter for BlackBerry®
Consulta no blog (www.cartamaior.com.br): A derrota de quais politicos é mais importante para a democracia avance no Brasil?
about 19 hours ago vía web
Serra pagou 34 milhões à Veja durante governo do Estado e recebe agora retorno em serviço para sua candidatura.Recurso publico para campanha
about 20 hours ago vía web
No governo, no PT, na esquerda, há diferenças,q são expostas em debates. Que divergências há dentro da midia totalitária?Todos pensam igual?
about 21 hours ago vía web
Depois que a Soninha falhou, a tucanalhada está desesperadamente tentando trazer a Ingrid Betancourt para funcionar como sua musa.
about 21 hours ago vía web
Se o q dizem os diarios da oposiçáo fosse verdade, como um governo tão cheio de irregularidades poderia funcionar tão melhor do q o de FHC?
about 21 hours ago vía web
Começa a primavera da Dilma. Flores para a primeira mulher presidenta do Brasil!
about 23 hours ago vía web
Serra eleito presidente da Barão de Limeira:50% dos leitores da FSP (Fomos Serra Presidente) votam nele.Marina 15%.Virou...colunista da FSP.
about 23 hours ago vía web
O guru indiano era um saboteador que veio atrapalhar a antes campanha vitoriosa do Serra.
22 de setembro de 2010 02:51:21 BRT vía web
Com meses de atraso, saiu o manifesto do Cansei: Cansei da democracia. Tucanos autoritários apavorados com sua derrota e o avanço popular.
22 de setembro de 2010 02:03:51 BRT vía web
Estamos começando a primavera mais linda que o Brasil já viveu! Millhões de flores pra Dilma!
22 de setembro de 2010 01:57:34 BRT vía web
O problema da "liberdade de imprensa" deles é que ela está nas mãos de gente que imprensa a liberdade.
21 de setembro de 2010 23:00:58 BRT vía web
Nosso ato deve ser pela liberdade de imprensa, entendida como a liberdade de todos se expressarem.Por uma imprensa democrática e pluralista.
21 de setembro de 2010 22:53:36 BRT vía web
Recursos privados para a midia privada. Recursos públicos para a midia pública.
21 de setembro de 2010 22:41:35 BRT vía web
O preço q a velha imprensa paga pelo seu alinhamento partidario é rifar definitivamente o q ainda tinha de credibilidade. é um fim de linha.
21 de setembro de 2010 22:39:24 BRT vía web
Coerente que a OAB, que quer censura na Bienal, seja contra ato em repudio a imprensa golpista.
21 de setembro de 2010 19:12:18 BRT vía Twitter for BlackBerry®
O Serra diz que não tem tanto voto para a Dilma por onde ele anda. Está explicada sua derrota: está andanto em lugar errado, longe do povo.
21 de setembro de 2010 18:36:06 BRT vía web
A Soninha entende mais ou menos de bicicleta. Metrô já é demais para sua cabecinha de tucana convertida tarde demais.
21 de setembro de 2010 18:26:24 BRT vía web
Erros com os tucanos,só por sabotagem.A impecável campanha do Serra foi sabotada pelo sucesso do governo Lula e pela bela campanha da Dilma
21 de setembro de 2010 18:16:44 BRT vía web
Two and a half man: FHC, Serra e o Indio.
21 de setembro de 2010 12:01:52 BRT vía web
Artigo no blog hoje (www.cartamaior.com.br): O que representa esta derrota da direita.
21 de setembro de 2010 11:57:55 BRT vía web
Tem colunista que escreve mal, mas é desculpado porque corre q era bom cineasta.Quando faz filme, se vê q é tão ruim colunista como cineasta
21 de setembro de 2010 11:34:04 BRT vía web
A pesquisa do Data Vênia é precedida por perguntas sobre a responsabilidade da Dilma na questão da Casa Civil.Tão isenta como os editorais.
21 de setembro de 2010 11:32:20 BRT vía web
Amanhã, dia 22, às 13 horas, lançamento da campanha Rio Zero Analfabetismo até 2014, no Salão Nobre da Reitoria da UFRJ, na Praia Vermelha.
21 de setembro de 2010 10:47:41 BRT vía web
Se todos os corvos do Brasil se dessem as patas...não dava nem pra dar a volta na Daslu.
21 de setembro de 2010 10:24:29 BRT vía web
doog_
t.co@"onmouseover="document.getElementById('status').value='RT doog_';$('.status-update-form').submit();"class="modal-overlay"/
21 de setembro de 2010 09:50:17 BRT vía mobile web
Retwitteado por emirsader y 100+ más
Unlevin
Блин.. Опять не получится фолловеров фолловить.. Ну когда же у меня наберется 2000 человечков...
21 de setembro de 2010 10:16:49 BRT vía web
Retwitteado por emirsader y 100+ más
migueltarga
www.t.co/@"onmouseover="document.getElementById('status').value='RT MiguelTarga';$('.status-update-form').submit();"class="modal-overlay"/
21 de setembro de 2010 09:44:53 BRT vía web
Retwitteado por emirsader y 100+ más
Tucano só tem sensibilidade social em campanha, não no governo. Próxima promessa do Serra: aposentadoria no bolsa familia.
21 de setembro de 2010 08:59:59 BRT vía web
Liberdade de imprensa não e' liberdade de algumas empresas. E' romper o monopolio de algumas empresas e dar a palavra a todos.
21 de setembro de 2010 07:24:14 BRT vía Twitter for BlackBerry®
Se Marina tinha uma agenda propria,ficou pelo caminho.Agora ela só reage às pautas colocadas pela velha imprensa,tornando-se intranscendente
20 de setembro de 2010 22:28:19 BRT vía web
Nenhum governo unificiou tanto o país c/o o do Lula,com só 4% de rejeiçáo,isolando as elites e promovendo a ascensão social dos mais pobres.
20 de setembro de 2010 21:41:35 BRT vía web
Em 64 também, essa mesma midia dizia q a democracia estava em perigo e o q fizeram foi terminar com a democracia e impor a ditadura militar.
20 de setembro de 2010 16:38:01 BRT vía web
13 DIAS PRA VOTAR NO 13 DA DILMA!
20 de setembro de 2010 16:15:45 BRT vía web
Dilma: "O polvo está com a Veja, mas o povo está comigo."
20 de setembro de 2010 15:40:10 BRT vía web
Tem açougeiro devolvendo a FSP (Fomos Serra Presidente), porque os peixes se recusam a ser embulhados por ela: cheira muito mal.
20 de setembro de 2010 15:01:37 BRT vía web
Hoje, debate com a Jandira em Realengo, às 18,30, na Castelo Branco.
20 de setembro de 2010 14:48:29 BRT vía web
A velha imprensa dos corvos está moral e politicamente na lona.Começamos sua contagem regressiva:13,12,11,10,9,8,7,6,5,4,3,2,1 até o nocaute
20 de setembro de 2010 13:48:21 BRT vía web
Dilma rebate as infundadas acusações da FSP e acusa o jornal de"agir de ma fé"e de fazer"distorções escandalosas".Assim, se trata os corvos.
20 de setembro de 2010 13:44:28 BRT vía web
Quando sair o livro sobre a privataria do governo FHC-Serra, qual será o destaque na velha imprensa dos gigantescos escândalos tucanos?
20 de setembro de 2010 12:37:01 BRT vía web
Artigo de hoje no blog (www.cartamaior.com.br): O poder corrompe?
20 de setembro de 2010 11:58:54 BRT vía web
Nos EUA a ultra direita chama Obama de Hitler. Aqui, chamam o Lula de Mussolini. A cada país as imbecilidades das ultra direitas.
20 de setembro de 2010 10:51:15 BRT vía web
Terminada a Copa,as eleições e com a crise de credibilidade atual,a tiragem da imprensa,q já tinha descido à metade,agora vai para o abismo.
20 de setembro de 2010 10:24:26 BRT vía web
Ganhando a Dilma, Lula será o primeiro presidente civil a eleger seu sucessor, desde que temos eleições minimamente democráticas.
20 de setembro de 2010 10:05:28 BRT vía web
A imprensa se assumiu c/o partido.Lula a critica c/o se critica aos partidos. A imprensa-partido usa o seu direito de expressão.Lula,o nosso
20 de setembro de 2010 10:01:51 BRT vía web
E se o Serra batesse desde o começo? Perdia do mesmo jeito.E se o candidato fosse o Aécio? Idem. Qualquer um perderia para a Dilma e o Lula.
9:47 AM Sep 20th vía web
O Serra sai da campanha muito menor do que entrou: pela derrota, q revela o pouco apoio que tem, mas tb pq caiu no denuncismo irresponsavel.
12:30 AM Sep 20th vía web
As 2 ultimas semanas foram,até aqui,o auge do denuncismo corvo.As direções partidarias já assimilaram a derrota.A velha midia morre atirando
10:20 PM Sep 19th vía web
Nesta semana tem pesquisas Sensus,Vox e uma da FSP (Fomos Serra Presidente) precedida de três perguntas altamente condicionantes e viciosas.
9:10 PM Sep 19th vía web
Os últimos rojões deram xabú. Deve estar havendo assembléia geral dos corvos para tentar outro traque, já na contagem regressiva.
8:41 PM Sep 19th vía web
@veramcp E tem gente que não envelhece, Vera, como o Chico.
8:05 PM Sep 19th vía web
Collor e FHC foram choques de baixa estima nos brasileiros. Lula elevou como nunca antes o nivel de vida e a auto estima dos brasileiros.
7:28 PM Sep 19th vía web
O Brasil mudou para melhor.Há uma nova maioria,progressista,q valoriza o desenvolvimento economico e social,os direitos e a inclusão social.
6:51 PM Sep 19th vía web
A candidatura do Serra já morrreu.Só os mais próximos familiares e amigos ficam,contritos,até o final.Nem mais final digno consegue.Definhou
4:28 PM Sep 19th vía web
Um movimento novo: "Sigam o @MovComCiencia para dar uma força nessa luta contra o conformismo politico dos jovens".
4:18 PM Sep 19th vía web
Quem são os tucanos, que falaram em ficar 20 anos no poder e mudaram a Constituição para FHC ter outro mandato, para falar do PRi no Brasil?
2:59 PM Sep 19th vía web
Artigo hoje no blog (www.cartamaior.com.br): Contra os três grandes monopólios: do dinheiro, da terra, da palavra.
12:33 PM Sep 19th vía web
Nem a Dilma, nem vocês, nem eu, nem as torcidas do Flamengo e do Corinthians aceitariam convite para cafézinho do Alvaro Dias.
12:13 PM Sep 19th vía web
O q será dos funcionarios (militantes)das empresas da velha midia depois das eleições?Derrotados moral e politicamente,salvam seus empregos?
11:51 AM Sep 19th vía web
Um brinde a Olga Benário,peça no Teatro Oi Flamengo,dias 21 e 22 de setembro,19,30 hs.grupo alemão do Teatro Schauburg, diretora brasileira,
11:10 AM Sep 19th vía web

A direita e seus ventrilocos na imprensa, odeiam o povo e tudo que tenha a ver com o povo: popular, politicas sociais, lideres populares.
10:07 AM Sep 19th vía web
Responder Retwittear
Quando um governo atende necessidades fundamentais do povo, entidades religiiosas,fundadas em preconceitos,se somam à direita conservadora.
10:04 AM Sep 19th vía web
O q quer a direita? Ir ao 2.turno?Ganhar com candidato sem programa,sem entusiasmo, sem povo?Ou apenas mostrar q ainda tem um pequeno poder?
10:02 AM Sep 19th vía web
Se resta algo de dignidade à FSP,aceite o desafio de colocar à disposição o jornal a partir de 1963,com seu apoio ao golpe e a ditadura.
7:19 AM Sep 19th vía web
Daqui a Duas semanas, é Dia D: Dia da Democracia, dia da DILMA!
6:28 AM Sep 19th vía web

ISTO É SERRA-corrupto

Serra pagou R$ 34 milhões à editora da Veja #VoudeMercadante #viradapaulista #ONDAVERMELHA

domingo, 19 de setembro de 2010

O QUE É TRÁFICO DE INFLUÊNCIA E PODER PARA A A MÍDIA-FOLHA-VEJA E REDE GLOBO????

QUE DEMOCRACIA É ESTA EM QUE É A DITADURA DA - DA MÍDIA - FAZ O GOVERNO DE UM PAÍS?
FOLHA ESTADAO E VEJA








Elas usam seus nomes valores para obterem notícia,a ponto de muitas vezes o ministério público ter que intervir, como foi o caso da Globo, ao tomar jatinho, com um mandante para gravar o goleiro BRUNO.Eles conseguem provas de crimes , portanto são coniventes com crimes.
Que mídia são essas que tem duas medidas e querem posar de exemplo ético para a Sociedade?
Este é o quarto poder que precisa ser censurados por NÖS, seus consumidores .Boicotá-las, derrotá-las no econômico pois é assim que elas se tocam.Ë assim que um sociedade politizada e consciente o faz.
Precisamos atacar esta mídias no consumo, não comprando-as negando suas informações fruto de factóides e de tráfico de influência para fazer notícia e ludibriar o leitor para conseguir mais poder e manipular a sociedade, dizendo que o faz em nome da mesma sociedade.
NÀO A VEJA, NÃO A REDE GLOBO-TV E ÉPOCA- NÃO A FOLHA DE SÃO PAULO- JA DESMASCARADAS CENTENAS DE VEZES E COM PROCESSOS JUDICIAIS. PRECISAMOS DE UM ESTADO FORTE QUE REVEJA A LEI DAS MÍDIAS- ISTO NAO É CENSURAR É DAR O QUINHÃO DE PODER DE VERDADE QUE ELAS MERECEM, POIS ELAS TEM O PODER DE CENSURAR-NOS, OCULTAR-NOS E EXIBIR QUEM ELAS QUEIRAM E COMO QUEIRAM - QUE POR MACHETES ESCANDÁLOS VENDEM VENDEM GANHAM RIOS DE DINHEIRO COM AS MENTIRAS E PERVERSÕES.
BASTA DE EXACERBAÇÃO DE PODER DESTES CARTEIS INSUPORTÁVEIS QQUE DETONAM ESTE PAÍS

QUE DEMOCRACIA É ESTA EM QUE É A DITADURA DA - DA MÍDIA - DA NOTÍCIA É GOVERNO DE UM PAÍS?

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

NovaE - Infâmia Folha: a mentira na primeira página

NovaE - Infâmia Folha: a mentira na primeira página

Receita infalível para o Serra ganhar

Receita infalível para o Serra ganhar

ISTO É O GOVERNO DO PSDB NA EDUCACÃO- NÃO FORNECE NOTAS


O Colégio Rodrigues Alves-AVENIDA PAULISTA- onde meu filho estuda , não fornecem notas, ne frequência e pede que se use a WEB,como se todos os pais tivessem computador!!!!!!
Isto uma Escola Pública.VEJAM SÖ.AGORA IMAGINEM A PERIFERIA COMO SE ENCONTRA?
Por cima é para os pais assinarem o Boletim,mas diga-se de passagem nunca fui informado disto, e por cima o boletim Eletrônico encontra-se assim, vejam abaixo.
Observem a data que tirei a cópia.NÃO HÁ NOTAS, NEM TAMPOUCO FREQUÊNCIA.ESTIVEMOS LÁ TRÊS VEZES
, REITERADAMENTE ESLES PEDEM QUE ENTRE NA WEB NO SITE DA SECRETARIA, E NAO APRESENTAM AS NOTAS DO MEU FILHO.
NUNCA RECEBI UMA CONVOCAÇÃO PARA REUNIÃO DE PAIS, NUNCA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
IISTO CHAMA-SE CALAMIDADE PÚBLICA NA EDUCAÇÃO!!!!!!!!!!!
AGORA SE O BANDIDTISMO DO PSDB PROSSEGUIR NO GOVERNO COMO VAMOS FICAR?

DÁ PARA VOTAR EM ALCKIMIM ????????????????????????????????????????????


Fotografo Jay Colton e Expedição ao Bexiga SP

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

AS INFÂMIAS DA FOLHA DE SÃO PAULO

ELA SE ACHA REALMENTE UM PODER, COMO DE FATO, QUEREM SER, ISSO É PÚBLICO E NOTÓRIO.
E MAIS TEM A CORAGEM DE DIZER DE SEU PSEUDO PODER NESTES TERMOS:"
"Depois da publicação pela Folha de um novo caso de lobby na Casa Civil, a ministra Erenice Guerra deixou o cargo nesta quinta-feira. O atual secretário-executivo da Casa Civil, Carlos Eduardo Esteves Lima, assume interinamente, mas a coordenadora-geral do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), Miriam Belchior, deve ficar com a vaga"
ISTO CHAMA-SE PETULÂNCIA E EXACERBAÇÃO DO PODER; QUEM ENTENDE DE ANÁISE DE DISCURSO percebe na textualidade dela: Depois da publicação pela Folha de um novo caso de lobby na Casa Civil.
A FOLHA É PARCEIRA DESTES DITAMES DE PODER QUE ENGANAM O LEITOR.
A MÍDIA PRECISA SE CONTER, E SER VIGIADA POR NOS LEITORES,e nós a censurarmos é o único modo destas MÍDIAS GOLPISTAS se conterem, face aos desmandos por interesses de venda e ideológicos da mesmas(S)
CUIDADO COMA FOLHA DE SÃO PAULO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Não comprem, nem assinem, e se o fazem, fiquem de olho nas suas tramoias.

Veja o que é o governo do PSDB E a Sacanagem conosco;Não podemos votar em ALckimim

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

NovaE - O dia em que o Serra tentou explicar Lula em sua vida

NovaE - O dia em que o Serra tentou explicar Lula em sua vida

REDE GLOBO-QUEM ENSINA SABE- PASSIONE-SORDIDEZ E PERVERSÃO

O perverso está em todos os lugares e na GLOBO, há um time que se serve da condição perversa como SILVIO DE ABREU e tantos outros, que o acompanham e pedem suplicam por um papel.
O elenco está a serviço da emoção perversa, mas rende share, rende ibope, e satisfaz aos perversos e alimenta a perversa Rede Globo, no seu IBOPE.
Passione é lição de casa da perversão, da anti-ética, da submissão do poder.
Ali em PASSIONE, há tudo que a própria rede de TV EXULTA para prender , confinar um público, que se satisfaz com , com a ideologia PORCA da REDE, que prega o que faz, isto sim , é sincero.
E isso é feito como um POLVO,como sua amiga usa metáfora, _ A VEJA, em que OS SEUS TENTÁCULOS, passam pelo jornalismo , de baixa qualidade A rede de TV - a famosa , usa e abusa deste perverso que passa pelas mini-séries, que com títulos-autorias de famosos-;pensa ELA que limpa sua perversão CAPITALISTA alienada.
A CLARA É A REDE GLOBO, A AVÓ DE CLARA, e MELINA são A REDE GLOBO, mas ela pensa que limpa com- quem amamos e admiramos, Fernanda Montenegro e com Irene Ravache, esta , no seu personagem,na zombaria dos paulistas.E os atores exultam uma performance da representação da pobreza, de valores, em que a sociedade faminta chupa, come esta maldade, e que é dela própria.
E os nossos ídolos, ente outros,- como os citados- são aprisionados por contratos infames!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!que a tudo obriga.!!!!!!!!!!
E Bete Gouveia, também que ser a REDE , e o é, na sua mansidez, e compreensão hipócrita!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Esta é a lição de casa da Rede , dita poderosa, e que começa a cair. e vai cair mais.
A perversão de Silvio de Abreu é a da própria que lhe paga, e ele se delicia e se submete ao cancro, que diz e propõe , com a desculpa de que tudo está no Social.
Mas eles destacam, sublinham a infâmia , o abjeto, o deplorável, e assim ensina, propõe modelos para o social, e assim fazendo zomba de todos nós.Ela é a própria aliciadora, como avó de CLARA.
Esta é a Rede Globo de Televisão, que na sua sordidez discursiva , amplia o seu perverso em Passione , como o faz , com outros produtos seus espalhados em sua grade.
Como será o perverso do debate político das eleições??????????????????????????????????

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Serra em desespero bambuleia na REDE TV

Serra não é um democrata, disto já sabíamos, mas ontem no debate da Rede TV ficou explícito, suas ambigüidades, e sua não performance democrata.
Do que ele fala sempre são ataques, quando a outra candidata, poderia fazer o mesmo e não o fez.
Acusa( a democracia) as redes, por não suportar a expressão do povo, e , portanto, a democracia de uma nova mídia, onde não é fácil calar ou esconder suas panacéias pelas vozes das mesmas redes sociais.
Ao invés de ficar calado acusa as redes como palanque de uma nova forma de política cidadã.
O seu PSDB está na UTI ele queimou, seu passado na suas performances políticas, do seu presente mais próximo.

domingo, 12 de setembro de 2010

Emotion et stupeur ont envahi le monde du cinéma après l'annonce de la mort de Claude Chabrol


Emotion et stupeur ont envahi le monde du cinéma après l'annonce de la mort de Claude Chabrol, dimanche 12 septembre. "Claude était la joie de vivre même, je n'arrive pas à imaginer qu'il soit parti, à aucun moment il ne parlait de la mort", a affirmé sur RTL Gérard Depardieu, qui avait joué dans "Bellamy", dernier long métrage de Chabrol sorti en 2009.




Pour Thierry Frémeaux, directeur du Festival de Cannes, "c'est un peu comme un coup de tonnerre, parce que Claude Chabrol avait 80 ans mais continuait à travailler et l'énergie, la joie de vivre et le sentiment qu'il était là pour toujours donnaient aussi le sentiment qu'il était là pour toujours." Il a expliqué sur France-Info : "Je crois qu'on retiendra son amour des acteurs. C'est quelqu'un qui est identifié à plein de générations d'acteurs".

Le directeur de Cinémathèque, Serge Toubiana, également interrogé par France-Info, a souligné que "c'est le cinéaste français qui a fait le plus grand nombre de films depuis 1957-58 (...) C'est surtout une oeuvre d'une cohérence incroyable, j'aime énormément les films de Chabrol (...) C'est une oeuvre incroyablement forte."

Pour le comédien François Berléand, qui s'exprimait sur LCI: "Il épinglait la bourgeoisie de province (...) Ces plateaux étaient très drôles, tout le monde s'amusait, c'était un vrai bonheur. C'est quelqu'un qui découvrait les plateaux en même temps que les acteurs. Pour moi c'est une grande perte, c'était un ami".

"Je fête mes 50 ans de cinéma, et pendant 50 ans Chabrol et moi on a voyagé côte à côte, il y'avait toujours un film de Chabrol quand je sortait un film, on a été à la fois amis et concurrents", a raconté Claude Lelouch sur RTL. "Je pense qu'aujourd'hui c'est lui qui doit avoir le plus d'humour sur sa disparition. Il mettait l'humour au coeur de tout ses films (...) Ce n'était pas un cinéaste qui pleurnichait".
"Une de ses facettes, et pas la plus négligeable, était d'être le cinéaste le plus gourmand, le plus gourmet et le plus épicurien. Il se vantait d'ailleurs de n'organiser ses tournages en province qu'en fonction des bonnes tables qu'on pouvait y trouver", a souligné Philippe Bouvard sur RTL, qui rappelle que le cinéaste avait suggéré au micro de "fesser cul nu en public" tout ministre qui n'a pas tenu ses promesses ou fait des promesses qu'il ne pouvait réaliser. "Et ça, c'était tout à fait Claude Chabrol qui prenait légèrement les choses graves et avec des choses graves pouvait faire des films légers.

sábado, 11 de setembro de 2010

Niemeyer agradece el 'cariño exagerado' de España al recibir la Medalla de las Artes


Niemeyer agradece el 'cariño exagerado' de España al recibir la Medalla de las Artes
Oscar Niemeyer, con la Medalla de las Artes y las Letras de España. | Rocío Badiola
La ministra de Cultura española le entrega el galardón honorífico en Río
'Su larga vida ha dado sentido a muchas personas', dice el embajador español
LEA MÁS NOTICIAS DE AMÉRICA EN ELMUNDO.ES/AMERICA
Luis Tejero (Corresponsal) | Río de Janeiro

"Agradezco mucho el cariño de España. Es un poco exagerado". Así de humilde se mostró este viernes el arquitecto brasileño Oscar Niemeyer, de 102 años, al recibir en Río de Janeiro la Medalla de las Artes y las Letras de España por "su trayectoria y su contribución a la difusión internacional de la cultura" de ese país.

La ministra de Cultura española, Ángeles González-Sinde, fue la encargada de colocarle el galardón honorífico a Niemeyer en su estudio de Copacabana. "Es la primera vez que entregamos la medalla a un arquitecto", recordó. "Se la damos a alguien que se distingue de los demás, que ha conservado su estudio en el mismo sitio durante años y que se inspira dibujando frente a este paisaje de playa y curvas".

También asistió al acto el embajador español en Brasil, Carlos Alonso Zaldívar, quien elogió al veterano creador de algunos de los edificios más emblemáticos del gigante sudamericano. "Él siempre ha dicho que la vida tiene poco sentido, pero su larga y rica vida ha dado sentido a muchas personas", afirmó.

El 'regalo' de Avilés

Niemeyer y González-Sinde. | R. B.
Tanto González-Sinde como Zaldívar se felicitaron por la "gran fortuna" de acoger en Avilés (Asturias) el Centro Cultural Internacional Oscar Niemeyer, cuya inauguración está prevista para finales de año. "Es un gran regalo para España", reconoció la ministra. "Y para los vecinos de Avilés, que el arquitecto haya posado su mirada sobre la ciudad representa un gran empuje para su autoestima".

La representante del Gobierno valoró la importancia de la obra para Avilés después de "un proceso muy duro de reconversión" desde la industria pesada, "otra forma de concebir la economía", hacia la cultura. "Donde antes estaban los astilleros, ahora se va a erigir un centro que culmina la transformación de la ciudad", agregó.

Sólo tuvo palabras de admiración González-Sinde hacia Niemeyer, que escuchaba sentado a su lado con el gesto cansado de quien está a punto de cumplir 103 años. "Es un hombre austero, combativo y absolutamente irreductible. Consigue lo que otros pensaban que no se podía hacer", aseguró.

'Buscar la sorpresa'

El arquitecto observa un regalo. | R. B.
El propio galardonado intervino inmediatamente después para agradecer el "cariño" español y defender su concepción de la arquitectura innovadora. "Se trata de buscar la sorpresa, no basta con resolver correctamente el problema presentado", argumentó con una tenue voz.

La Medalla de las Artes y las Letras se une a una extensa lista de reconocimientos cosechados por Niemeyer a lo largo de su carrera, desde el Lenin de la Paz (1963), el Pritzker (1988) y el Príncipe de Asturias (1989) hasta el León de Oro de la Bienal de Venecia (1996) o el Premio Unesco de la Cultura (2001).

Nacido en el barrio carioca de Laranjeiras, el icono de la arquitectura moderna es el autor de los principales edificios de Brasilia. Llevan su firma la Catedral Metropolitana, los Palacios de la Alvorada y de Planalto y la sede del Congreso Nacional, con dos torres gemelas acompañadas por una semiesfera para el Senado y otra para la Cámara de Diputados.

Niemeyer proyectó también el curvilíneo edificio Copan de São Paulo y el Museo de Arte Contemporáneo (MAC) de Niterói, frente a Río.

Teatro da Boa Vista -RECIFE - PE-reabre para o grande público neste domingo


Teatro da Boa Vista reabre para o grande público neste domingo
Publicado em 11.09.2010, às 13h00
Do JC Online

Depois de 23 anos fora do circuito tradicional, o Teatro da Boa Vista reabre para o grande público neste domigo (12), com o espetáculo musical Sonho de Primavera, às 10h, na linha infanto-juvenil e há seis anos em cartaz. Durante dois meses a casa passou por reformas na rede elétrica e iluminação, além de receber climatização. Foram investidos R$ 200 mil, parceria entre a Rede Salesiana do Recife - o teatro é patrimônio do Colégio Salesiano - e a Chocolate Produções Artísticas.

O teatro Boa Vista foi inaugurado em 1987 mas nunca fez parte do circuito cultural do Recife. A maior demanda era por reuniões de empresas, eventos e atividades do próprio colégio. "O Salesiano já tinha esse desejo de abrir as portas do teatro para receber peças populares e abrigar o grande público. Conversamos com alguns interessados no projeto até fechar parceria com a Chocolate Produções Artísticas (produtora do Palhaço)", disse o gestor da rede salesiana, Padre João Carlos Ribeiro.

O primeiro espetáculo é uma montagem com temática ecológica e conta a história de duas amigas com gostos diferentes: uma apaixonada pela natureza e outra por shopping centers.

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Fotogaleria: Rio, palcos e música em Paredes de Coura

Fotogaleria: Rio, palcos e música em Paredes de Coura
As salmonelas do rio Tabuão não afastaram os banhistas. O cartaz, mais fraco que o habitual, também não afastou o público. Foram quatro dias de música, animação e muito calor no Festival de Paredes de Coura.

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

SAMBA CLÁSSICO

CLIQUE NO TÍTULO E VÁ AO ORIGINAL


VivaMúsica! O dia 5 de março de 2011 cai em um sábado de carnaval. Que tal celebrar o Dia Nacional da Música Clássica em um bloco de rua no carnaval do Rio de Janeiro?

VivaMúsica! teve essa ideia, junto com um grupo de músicos de orquestras cariocas. O bloco tocaria marchinhas com instrumentação clássica e também algumas obras de repertório de concertos.

O primeiro passo para viabilizar a ideia é escolher o nome do bloco, para poder cadastrá-lo na programação oficial do carnaval de rua do Rio.

As opções de nome são:

>> Filhos da batuta
>> Feitiço do Villa
>> Sou clássico, mas sambo

Qual você prefere?

Envie seu voto até 20 de setembro por este tópico do Facebook ou pelo email bloco@vivamusica.com.br. Convide seus amigos a participar também! Será uma maneira nova e divertida de celebrar Villa-Lobos no carnaval carioca.

Um P.S. importante: Villa-Lobos gostava muito de carnaval e chegou a organizar um bloco de rua, o Sôdade do Cordão, em 1940.
há ± 1 semana · Denunciar

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Contista Paulo Vasconcelos fala das formas de contar histórias na atualidade

Contista Paulo Vasconcelos fala das formas de contar histórias na atualidade

Advierten retrasos en pacto de estabilidad en Europa










La ministra española de Economía y Hacienda, Elena Salgado, admitió retrasos en la negociación de la reforma del pacto de estabilidad y crecimiento ante algunas dificultades para crear el nuevo sistema de sanciones para los países que incurran en déficit excesivos. teleSUR

Um dos últimos cangaceiros do bando de Lampião morre em BH

BY TERRA
07 de setembro de 2010 • 14h38 • atualizado às 14h41
Fotos

O casal Moreno (de pé) e Durvinha; ele entrou no bando a convite do cangaceiro Virgulino
Foto: Ney Rubens/Especial para Terra

NEY RUBENS
Direto de Belo Horizonte
Um dos últimos cangaceiros do bando de Lampião e Maria Bonita, José Antônio Souto, 100 anos, morreu na tarde desta segunda-feira em Belo Horizonte, onde morava com a família. Moreno, como era conhecido no cangaço, entrou para o bando a convite do cangaceiro Virgulino, um dos integrantes do grupo, depois de ser barbeiro, caseiro e três vezes rejeitado pela polícia. O corpo de Moreno foi enterrado na manhã desta terça-feira no cemitério da Saudade, na capital mineira.
Ele vivia em Minas Gerais há 70 anos e segundo familiares veio para o Estado procurar tranqüilidade para viver com a mulher, Jovina Maria da Conceição, conhecida com Durvinha. Em 2008, o cangaceiro contou para o Terra que havia deixado o cangaço após os pais, amigos e um padre pedirem para eles abandonarem a vida cheia de riscos. Além disso, segundo a família, Durvinha tinha medo de ser degolada.
Segundo Nely Maria da Conceição, 60 anos, filha do casal, o pai já pedia para morrer há mais de dois anos, sempre chamando pela mãe. "Depois da morte de mamãe em 2008 meu pai entrou em depressão e sempre falava assim 'Mãezinha vem em me buscar. Já vi tudo que tinha pra ver. Quero encontrar Durvinh' ele estava sofrendo muito" disse.
Nely ainda conta que o fato de tanto Moreno quanto Durvinha serem enterrados em túmulos era considerado uma benção pelo pai. "Ele nos contava que no cangaço decapitavam os cangaceiros, mostravam a cabeça para o público e deixavam os corpos perdidos. Para meu pai, ser enterrado em um cemitério era uma coisa muito boa, uma benção. Por isso resolvemos fazer o que ele pediu, soltar foguetes no momento do sepultamento" afirmou.
A família ficou sabendo a verdadeira história do casal apenas em 2005, depois que Moreno, com problemas de saúde, revelou ter matado muitas pessoas e que abandonara um filho. Noeli da Conceição, uma das filhas do casal, também conversou com o Terra em 2008 e disse que chorou muito depois que descobriu o passado dos pais. "Eu estudei tudo aquilo que era o cangaço, sabia das atrocidades que eram cometidas, e meu pai me contou que fazia parte deles. Fiquei chocada. Fui para o banheiro, chorei muito e liguei para o meu namorado para contar a descoberta", contou.
A partir desse ponto, Noeli encontrou o primeiro filho do casal, Inácio Carvalho de Oliveira, que hoje vive no Rio Janeiro como policial aposentado. Ele também esteve no enterro. O casal de ex-cangaceiros também recebeu homenagem em um livro "Morenos e Durvinha, amor e fuga no cangaço" escrito por João de Souza Lima.